Como ser um RH inovador?

Com a tecnologia a favor do RH, a inovação, o acesso a dados e ferramentas completas ajudam a melhorar o planejamento estratégico da empresa
Como ser um RH inovador?
  • Carregando índice...

A constante evolução do mercado corporativo em função das novas tecnologias, fizeram com que as empresas buscassem, cada vez mais, estar à frente no mercado, não só pensando em vantagem competitiva, mas também como forma de gerar economia e aumento de receita. E o setor de RH não está excluído desse processo, pelo contrário, é uma área que precisa estar em constante evolução tecnológica.

O RH inteligente vem oferecendo oportunidades para que organizações e profissionais avaliem o desenvolvimento de seus processos, permitindo mais precisão e rapidez nas funções destes colaboradores. A pandemia e as novas formas de trabalho trouxeram mudanças que produziram tendências para o setor de recursos humanos, antecipando tendências e ações que, no ponto de vista da organização, levariam alguns anos para serem implantadas.

Com a chegada de ferramentas cada vez mais completas e direcionadas para a área de RH, as rotinas de trabalho se aperfeiçoaram e áreas como recrutamento e seleção, treinamento e desenvolvimento, engajamento do colaborador, ganharam fortes aliados para melhores entregas, atingimento de metas e KPIs.

Essa interação entre o setor e as soluções tecnológicas produziram o RH 4.0, um conceito que tem sua origem na quarta onda da revolução industrial e que se baseia no aumento da conectividade entre as pessoas e encurtamento de distâncias, gerando uma série de benefícios relacionados aos procedimentos operacionais.

Em um setor em que as tarefas se dividem em várias etapas, processos e áreas distintas, a chegada da tecnologia segmentada ajuda, principalmente, o gestor de RH a enxergar e cruzar dados de cada área com facilidade, tendo cada vez mais processos automatizados e informações detalhadas dos seus colaboradores. Além disso, as soluções para os processos de RH têm se baseado em métodos que podem facilitar as tarefas rotineiras. Abaixo trouxemos algumas inovações e tendências para 2023:

RH Online (mobile)

A era do trabalho remoto, tele trabalho, home-office, seja qual for o nome e a modalidade da empresa, ganhou notoriedade com a chegada da pandemia e veio para ficar em algumas empresas de setores específicos da economia. Entretanto, não foi apenas o local de trabalho que mudou. As tradicionais estações de trabalho, com computadores, por exemplo, estão deixando de ser a única e obrigatória ferramenta de trabalho. Os smartphones e tablets entraram fortemente neste cenário, viabilizando a logística do colaborador, por serem mais fáceis de carregar, portáteis e, muitas vezes, mais potentes.

Dessa forma, ter um RH que atua também de forma mobile é fundamental, não só para a equipe operacional, mas para todos os colaboradores da empresa que, vez ou outra, precisam trabalhar de casa, durante um trajeto ou deslocamento, por exemplo. Surgiu uma demanda de última hora? Uma reunião rápida ou uma entrevista com um candidato? Os portáteis estão cada vez mais facilitando a vida dos colaboradores.

Olhando também para este cenário, é possível perceber que o horário e local de trabalho flexível, os coworkings e até mesmo o horário híbrido (1 ou 2x por semana de expediente presencial) ganham mais força, deixando a forma tradicional de trabalho no passado.

People Analytics

Apresentado pela primeira vez pelo Google em 2013, o conceito People Analytics não se trata de um software especificamente, mas de uma metodologia de coleta, organização e análise de dados de pessoal, sendo muito aproveitado pelo RH para analisar os dados dos funcionários dentro de uma organização, seja em retenção, metas e até mesmo em saúde.

O People Analytics pode servir de apoio para os processos seletivos, auxiliando a definir as competências necessárias para a função ou para direcionar ações que exigem engajamento do público interno, por exemplo. Na saúde, essa metodologia pode ajudar o RH a olhar os dados de saúde populacional, fornecidos pela saúde ocupacional ou médico do trabalho, pelo histórico de sinistro do plano de saúde e outros programas de bem-estar que a empresa utilizar. Essas informações são fontes riquíssimas de ideias e conhecimentos  para elaborar estratégias de saúde e segurança, programas de prevenção e, com os dados corretos, até a análise de absenteísmo.

Leia nosso artigo e saiba mais sobre absenteísmo, clicando aqui.

Saúde e Bem-Estar

No tópico acima, falamos sobre People Analytics e sobre o olhar com mais atenção para os dados de saúde dos colaboradores. Dados gerados pelo RH, dizem muito sobre a saúde física, mental e bem-estar destas pessoas, mas também ajudam identificar fontes de informações como o número de afastamento, absenteísmo e saúde mental - riscos que devem ser acompanhados de perto pelas empresas, principalmente após a pandemia, em que o número de doenças mentais causadas pelo excesso de estresse no trabalho aumentaram significativamente.

Além disso, um RH inovador e que utiliza dados de forma inteligente, consegue  identificar facilmente oportunidades de ações em saúde para melhorar o ambiente laboral com campanhas que vão além das tradicionais e importantes, como Outubro Rosa e Novembro Azul.

Quer ser um RH inovador e usar os dados a favor dos seus colaboradores? Baixe agora o nosso checklist e saiba o que falta para o seu departamento ser mais inteligente e dinâmico.

Artigos relacionados

Carnaval 2023: como aproveitar a data com seus colaboradores?

Carnaval 2023: como aproveitar a data com seus colaboradores

Saiba como o RH pode orientar o colaborador a curtir o carnaval com saúde e ainda aumentar o engajamento entre os times

Gestão de RH
8
 minutos de leitura
Employee Experience: qual a importância para as empresas?

Employee Experience: qual a importância para as empresas?

Descubra o que é esta estratégia e como ela pode ser sua grande aliada para a atração e retenção de talentos

Gestão de RH
13
 minutos de leitura
People Analytics em 3 passos: como implantar no meu RH?

People Analytics em 3 passos: como implantar no meu RH?

O People Analytics veio como um forte aliado ao time de RH. Conheça 3 passos para implantá-lo e ter sucesso na sua empresa.

Gestão de RH
18
 minutos de leitura

Assine nossa Newsletter!

Receba informações valiosas sobre a saúde corporativa da sua empresa e dê as boas-vindas à nova era do cuidado

Apenas E-mails corporativos
Verifique o campo de e-mail. Somente serão aceitos e-mails corporativos.
Agradecemos o seu interesse!
A nossa newsletter é publicada semanalmente e enviada para o seu e-mail.
Ops! Algo deu errado ao enviar o formulário.
close
Mulher de braços cruzados
Espero que goste desse artigo. A 3778 pode ajudar a transformar a Saúde da sua empresa. Faça um orçamento para Saúde Ocupacional, Gestão Ambulatorial ou Terceirização em Saúde.